Cidade

28/10/2016 09:15

Carreta carregada com milho tomba em ponte de madeira em Mato Grosso

Um caminhão de milho tombou nesta quinta-feira (27) em uma ponte de madeira, no Rio Teles Pires, na rodovia MT-490 que liga Sorriso e Lucas do Rio Verde, municípios que ficam a 420 km e 360 km de Cuiabá, respectivamente. Segundo os moradores, o estado da ponte é precário e que esse é o segundo acidente em duas semanas registrado no local.  O governo do estado, responsável pela ponte, disse que deve substituir a estrutura após um repasse do governo federal. De acordo com a prefeitura de Sorriso, a ponte foi reformada em novembro de 2015 após uma parceria entre o município e a associação de produtores da região.

Os gastos com as obras foram estimados em aproximadamente R$ 220 mil, segundo o órgão. À época da reforma, o secretário de transportes, Valdocy Fernandes da Silva, afirmou que a ponte de madeira é essencial para o município, visto que contribui, entre outras coisas, com a trafegabilidade, escoação da safra e transporte escolar da região. Segundo o autônomo João Pedro Salvalagio, a ponte de madeira gera insegurança para as pessoas que costumam trafegar pelo local.

Ele contou que tem familiares em Sorriso, e que por isso sempre passa pela ponte. “Graças a Deus comigo nunca aconteceu nada de mais grave. Mas eu sinto que se a coisa continuar assim, um acidente ali é questão de tempo. Isso me deixa com bastante receio de passar ali”, disse.

Carreta carregada com milho tombou na MT-490 (Foto: João Pedro Salvalagio/Arquivo Pessoal) O operador de máquinas Sidney Martins Diosti, que mora em uma propriedade rural em Sorriso e utiliza a via para o trabalho, diz que o problema maior é com a parte superior da ponte. “Na última reforma feita mexeram nas vigas, na parte de baixo. Mas as pranchas de madeira estão todas podres. Não é difícil alguém passar com o carro lá e alguma prancha desprender. Por causa disso, estamos evitando usar esse caminho”, revelou. Sobre o acidente desta quinta-feira, ele explicou que esteve no local pela tarde e observou o começo dos trabalhos para a retirada do caminhão. O operador de máquinas disse ainda que a carga de milho estava sendo retirada e que somente depois da carreta vazia é que os guinchos começariam a tirar o veículo da estrutura.

G1MT


Nativa News

Jose Lucio Junqueira Caldas
Alta Floresta - MT
Fone (66) 9.8412-9214
nativanews@hotmail.com

Redes Sociais

Todos os direitos reservados ao Site Nativa News
Qualquer material não pode ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído sem autorização.

Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo