Regional

31/03/2017 07:47

Mais de 75% dos municípios de MT já aderiram ao Pró-família

A coordenação do programa Pró-família, lançado pela Secretaria de Estado de Trabalho e Assistência Social (Setas) no dia 16 de março, informa que 111 dos 141 municípios mato-grossenses já assinaram o termo de adesão ao programa, o que representa 75% dos municípios. O prazo para adesão se encerra no próximo dia 10 de abril.

Para chegar até a população que mais precisa é necessário que os municípios firmem parceria por meio de um Termo de Cooperação com a Setas. Os municípios são considerados parceiros da iniciativa do Governo do Estado ao assinar o Termo de Cooperação. A contrapartida da Prefeitura é a cessão dos agentes Comunitários de Saúde (ACS) para atuar em campo.

O cronograma estabelece que o Pró-Família inicie o atendimento as famílias no mês de junho. Serão beneficiadas 35 mil famílias pobres, extremamente pobres, em risco ou vulnerabilidade social em Mato Grosso. 

Araguainha, o menor município de Mato Grosso, já firmou o termo de cooperação. O prefeito da cidade, Silvio José Moraes Filho, está confiante. “Araguainha é pequena e temos muitas dificuldades, principalmente na captação de recursos. Então, esse programa vem na hora certa. Além de transferir renda para a nossa população carente, vamos conseguir inserir nossa população nos cursos de qualificação e aumentar a capacidade produtiva de nossos moradores”, disse o prefeito.

O titular da Setas, Max Russi, destacou o papel dos chefes de Executivo Municipal no desenvolvimento do Programa Pró-Família. “Os prefeitos serão os grandes responsáveis em criar estratégias dentro de suas cidades. Como verificar o perfil de qualificação necessária para as pessoas assistidas pelo programa”, avaliou o titular da Setas.

Divisão dos municípios

A coordenadora do Pró-Família Mônica Camolezi, conta que os municípios do Estado foram divididos em cinco grupos de acordo com o Índice de Desenvolvimento Humano (IDH). O objetivo é fazer com que todos se aproximem das médias estadual e nacional do índice, 0,725 e 0,727, respectivamente.

O Grupo Especial é o prioritário para a implantação do Pró-Família e reúne 20 municípios com o menor Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) no Estado, a média está entre em 0,538 a 0,650. Em um primeiro momento, serão atendidas 5.877 famílias distribuídas nesses municípios, e maioria dos gestores dessa faixa já aderiu ao Programa.

O Grupo 1 é composto por 37 municípios e 6.484 famílias, a média do IDH está entre 0,651 a 0,661. O Grupo 2 é composto por 35 municípios e 6.485 famílias que serão beneficiadas pelo Programa e a média do índice está entre 0,689 e 0,699. Já a média do Grupo 3 está entre, 0,701 e 0,734, ele é composto por 37 municípios, e 6.376 famílias. Nesse Grupo, sete municípios apresentam IDH igual ou maior que a média estadual.

No Grupo 4, estão 12 municípios, sendo nove municípios com a maior faixa populacional de Mato Grosso. A perspectiva de atender nesse primeiro momento 5.465 famílias. A média de IDH desse grupo está entre 0,735 e 0,785.

Pró-Família

O Programa Pró-Família, desenvolvido e coordenado pela Setas terá o custo global de R$ 60 milhões, em recursos do próprio Estado, para atender 35 mil famílias nos 141 municípios. O objetivo do Pró-Família é promover a inclusão social de famílias pobres e vulneráveis.

Elas receberão o atendimento multidisciplinar que engloba: saúde, educação, qualificação profissional e o Cartão Pró-Família, com a transferência mensal de R$ 100,00, para compra exclusiva de alimentos. O cartão passa a ser utilizado a partir de junho desse ano.

Nesses meses que antecedem o atendimento, ocorre a estruturação do Programa e formação das equipes, composta por gestores, técnicos da assistência social e agentes de saúde. Os agentes em campo receberão kit de trabalho (boné, camiseta, bolsa e protetor solar), que estão em fase de licitação, tal qual a empresa que administrará os cartões Pró-Família.


Nativa News

Jose Lucio Junqueira Caldas
Alta Floresta - MT
Fone (66) 9.8412-9214
nativanews@hotmail.com

Redes Sociais

Todos os direitos reservados ao Site Nativa News
Qualquer material não pode ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído sem autorização.

Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo