Destaques

11/09/2019 14:04 Vinícius Bruno/RD News

Deputados Romoaldo e Xuxu tem salário descontado por falta

O presidente da Mesa Diretora, deputado Eduardo Botelho (DEM) anunciou, durante sessão na manhã de hoje (11), mais um desconto no salário de deputado. Dessa vez foi em relação a Romoaldo Júnior (MDB), que faltou à sessão de mutirão para limpeza de pauta convocada pelo presidente. Ontem terça (10), o primeiro corte foi no salário do deputado Xuxu Dal Molin (PSC).

Xuxu faltou a sessão de ontem. Já Romoaldo não participou dos trabalhos hoje pela manhã

Botelho enfatizou que, considerando o corte relativo a um dia de salário mais o valor da verba indenizatória, o valor descontado será em média de R$ 3 mil por falta.

Romoaldo alegou problemas de saúde, única justificativa aceita por Botelho para não efetivar o desconto.

“A verba indenizatória também é para exercer o mandato durante o mês todo, se o deputado está faltando uma das principais funções então é permitido ao presidente fazer esse desconto. Vamos cortar de forma proporcional à sessão de ontem e de hoje, porque foi feita uma convocação extraordinária para fazer o mutirão. Foi falado que não aceitaríamos justificativas a não ser que estivesse doente, e até brinquei, ou certidão de óbito”, disse Botelho em entrevista à imprensa na manhã desta quarta.

O presidente enfatizou que não vai aceitar justificativas de ausência por agendas externas, como inaugurações, audiências, reuniões, ou outras agendas. Nos bastidores, parlamentares tentam demover Botelho da  decisão de fazer descontos da VI, sob o argumento de que o valor é um auxílio para a atividade parlamentar, independente de presença na sessão.

Xuxu disse em entrevista que faltou à sessão de ontem por estar em agenda parlamentar em Sorriso e em Lucas do Rio Verde. Além dele, o deputado Sílvio Favero (PSL) também estava no interior, mas Sílvio registrou presença e depois viajou. A Mesa Diretora ainda está apurando como deverá proceder em relação a ausência do parlamentar.

Botelho também refutou a sugestão de Xuxu, que defende alterações no Regimento Interno da Assembleia, para que a punição aplicada por falta esteja garantida de forma objetiva e taxativa, visto que foi tomada de ofício pelo presidente da Assembleia. Xuxu também indica que a pauta de votação seja encaminhada aos deputados com 24 de antecedência.

“Os projetos estão nas comissões e na intranet, os deputados têm acesso integral. Eles têm que ter interesse em acompanhar os projetos que já passaram na comissão e que estão prontos para serem votados. Está sempre à disposição para os deputados e para todos acompanharem. Os deputados querem que entrega na mão e diga está aqui na tua cara? É só entrar na intranet. Não vai mudar nenhuma regra”, asseverou Botelho, ignorando a sugestão de Xuxu.


Nativa News

Jose Lucio Junqueira Caldas
Alta Floresta - MT
Fone (66) 9.8412-9214
nativanews@hotmail.com

Redes Sociais

248x90

Todos os direitos reservados ao Site Nativa News
Qualquer material não pode ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído sem autorização.

Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo