Destaques

12/12/2019 17:22 Assessoria | CMAF

Dia “D” do Mutirão de Limpeza do Rio Teles Pires será 22 de dezembro

Há 9 anos voluntários se unem para recolher todo tipo de lixo que for encontrado às margens, no leito e nas praias do rio Teles Pires numa área que abrange os municípios de Alta Floresta, Carlinda e Paranaíta. Este ano o Mutirão de Limpeza deverá percorrer mais de 250 quilômetros.

Desde o dia 11 de novembro equipes de voluntários revezam na intenção de retirar o maior número possível de lixo do rio e suas margens. A base do mutirão será, como nos anos anteriores, o Porto de Areia, em Alta Floresta.

Para esta edição, foi construída, com ajuda de parceiros e apoiadores, uma balsa maior e com mais recursos para o transporte do lixo recolhido. No entanto, as equipes também utilizam barcos para o recolhimento.

O trajeto é o mesmo do ano passado, partindo do Porto de Areia, em Alta Floresta, até a ponte da MT-320 na divisa dos municípios de Carlinda e Nova Canaã do Norte. Este ano as equipes ampliaram o trajeto e passaram mais de 20 quilômetros da Balsa do cajueiro, no município de Paranaíta.

Em oito edições já foram recolhidas muitas toneladas de lixo, inclusive fogão, geladeira, churrasqueira, freezer, televisão e até pia que esteavam abandonados às margens. Alguns objetos foram retirados do leito do rio. A maior quantidade de lixo foi de latas, sacos plásticos, garrafas e litros de plástico e de vidro.

O dia D do mutirão acontecerá no dia 22, domingo. “Vamos fechar com chave de ouro, e o dia D está marcado para o dia 22. O rio está subindo muito, por isso a urgência de a gente fazer o mais rápido possível para que todos possam participar. Então, quero convocar toda a comunidade, donos de ilhas, pescadores e quem tem barco para participar conosco, ajudar a recolher o lixo e depois almoçar com a gente”, convida o vereador Tuti, um dos idealizadores do evento.

Apesar de ainda não ter sido feito um balanço final, o saldo em termos de lixo recolhido já é maior que a quantidade de lixo retirada do rio nos anos anteriores. Um dos motivos deste aumento do lixo foi a ampliação de mais de 20 quilômetros do trajeto percorrido.

“Nos lugares que a gente sempre fez reduziu, mas aumentou porque o percurso foi aumentado, esse ano foi quase 250 quilômetros, então, é uma área muito maior e deu mais recolhimento. As pessoas estão mais conscientes, mas ainda tem aquele cidadão que deixa o lixo nas margens do rio e nas ilhas. Então, o trabalho do mutirão é para conscientizar todas as pessoas que frequentam esse rio para que tragam o seu lixo embora”, ressalta Tuti. “Ainda bem que seu Ariosto colocou Alta Floresta longe do Teles Pires, porque se colocasse às margens o Teles Pires eram um Tietê da vida”, completa.

Evento oficial – O Mutirão de Limpeza agora é evento oficial do calendário de datas do município de Alta Floresta graças a aprovação, por parte da Câmara Municipal, do Projeto de Lei nº 024/2019 de autoria de todos os vereadores.

Conforme a lei, o evento será organizado e realizado anualmente entre os meses de outubro e dezembro, através de trabalho voluntário organizado e poderá contar com o apoio de órgãos e entidades federais, estaduais, municipais e da sociedade em geral.


Banner whats nativa news

Nativa News

Jose Lucio Junqueira Caldas
Alta Floresta - MT
Fone (66) 9.8412-9214
nativanews@hotmail.com

Redes Sociais

248x90

Todos os direitos reservados ao Site Nativa News
Qualquer material não pode ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído sem autorização.

Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo