Destaques

04/06/2021 06:51 Redação I Nativa News

Prefeito de Apiacás lamenta pela ação da SEMA e diz que regularização das atividades esbarra na burocracia

Nesta semana o município de Apiacás vive momentos de tensão e prejuízos após uma ação da Polícia Federal e Ibama. O prefeito, Julio Cesar Santos, relatou que 50% da economia do município gira em torno da atividade garimpeira.

A ação nas áreas de garimpo, conhecida como Vila Mutum, teve início na última quarta-feira (02). Conforme o prefeito, relatos de testemunhas para a administração pública municipal, são de que mais de 100 famílias são prejudicadas com a queima de motores e maquinários utilizados na extração de ouro.

Julio Cesar relata que um ofício foi enviado à SEMA, disponibilizando maquinários e caminhões para o transporte destes motores, mas que a ação aconteceu de forma repentina, que os agentes atearam fogo nas maquinas sem aviso. O prefeito ainda relata a vontade de regularização das atividades, mas que esbarra na burocracia para regularização de áreas para exploração mineral.

De acordo com relatos do prefeito, cerca de 400 pessoas foram diretamente atingidas com a ação.


Nativa News

Jose Lucio Junqueira Caldas
Alta Floresta - MT
Fone (66) 9.8412-9214
[email protected]

Redes Sociais

Todos os direitos reservados ao Site Nativa News
Qualquer material não pode ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído sem autorização.

Crie seu novo site Go7
vers�o Normal Vers�o Normal Painel Administrativo Painel Administrativo