Regional

14/05/2022 05:59

PF prende mulheres que saíram de MT com drogas atadas ao corpo

A Polícia Federal prendeu ontem sexta-feira (13) duas mulheres que usavam "mulas" para traficar cocaína por meio do Aeroporto Marechal Rondon, em Várzea Grande. "Mulas" são pessoas arregimentadas para fazer o transporte da droga. As investigações da Operação Camada começaram no ano passado, quando a PF identificou uma das mulas utilizadas para o crime.

Durante as investigações, os policiais encontraram vídeos e fotos no celular da uma das suspeitas que comprovam o tráfico de drogas. Uma arma e munições chegaram a ser encontradas na bolsa da mulher. A PF conseguiu flagrar as duas mulheres que seriam as responsáveis pelo tráfico de cocaína. No entanto, as imagens das prisões atuais não foram divulgadas.

Os mandados de prisão preventiva foram expedidos pela 3ª Vara Criminal de Várzea Grande. As penas dos crimes investigados podem resultar em uma pena total de 25 anos de reclusão. A operação tem como objetivo prevenir e reprimir o tráfico de drogas por meio do aeroporto, uma vez que o uso deste modal tem aumentado significativamente.

As investigações e investidas contra o tráfico de drogas continuam, com especial atenção à prisão das lideranças e descapitalização de organizações criminosas.

 

 

 


Nativa News

Jose Lucio Junqueira Caldas
Alta Floresta - MT
Fone (66) 9.8412-9214
[email protected]

Redes Sociais

Todos os direitos reservados ao Site Nativa News
Qualquer material não pode ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído sem autorização.

Crie seu novo site Go7
vers�o Normal Vers�o Normal Painel Administrativo Painel Administrativo