Regional

25/03/2021 09:59 MidiaNews

Moradora de Apiacás faz sucesso com vídeos de rotina simples

Raimunda Conceição contou que ideia de criar perfil na rede social foi da filha de 12 anos

Raimunda Batista da Conceição, de 47 anos, ficou surpresa quando descobriu que os vídeos de sua rotina, publicados pela filha Lara da Conceição Silva, de 12, eram assistidos por mais de 172 mil pessoas. Nas gravações, Raimunda mostra, com ajuda de Lara, um pouco da vida em uma casa simples construída com madeira doada e muito trabalho, em Apiacás. 

Ao MidiaNews, a dona de casa lembrou do dia em que a filha de uma vizinha avisou que os vídeos estavam sendo compartilhados em outras redes sociais. Lara, que sonha em ver a mãe sendo “vista por todos”, chegou a dar pulos de alegria.

No total, ela acumula mais de 1,6 milhões de curtidas nos vídeos publicados no aplicativo. 

“A filha da vizinha falou: ‘dona Raimunda, a senhora está explodindo na internet’. Fiquei me arrepiando inteira, fiquei boba pensando: ‘Será que é verdade?’. Não esperava que fossem gostar tanto. A Lara ficou pulando e agradecendo a Deus que estávamos famosas”, diz, sorrindo. 

Por um momento, Raimunda afirma que chegou a pensar que estava sendo alvo de piadas na internet por ser de origem humilde e analfabeta. O sentimento logo desapareceu quando Lara leu alguns dos comentários para a mãe. 

Quem acessa o perfil da dona de casa no TikTok constata que a maioria dos recados faz referência ao bom humor que ela mostra ter nos vídeos, além de mensagens elogiando a comida que ela exibe orgulhosa nas panelas sempre brilhando de tão limpas. 

Para Raimunda, que chegou a precisar de remédios para ansiedade, depressão e pânico, fazer os vídeos com a filha é motivo de alegria. 

“A Lara disse para fazermos os vídeos juntas. Ela diz que o mundo precisa me ver. Aí começamos a fazer, ela posta e faz tudo. Eu gosto muito, o dia que não fazemos fico até doente. Nós duas ficamos sempre juntas, ela é minha companheira, é quem me ajuda sempre”. 

Recentemente, Lara e a mãe descobriram que podem fazer transmissões ao vivo no TikTok. Com a novidade, Raimunda consegue se comunicar com centenas de seguidores. Ela fala com carinho sobre como os usuários da rede cobram vídeos quando ela deixa de postar por algum motivo. 

Quando criaram o perfil no TikTok, a meta de Lara e Raimunda era de serem reconhecidas por apresentadores como Eliana e Celso Portiolli. 

No vídeo mais assistido do perfil, com mais de 714 mil visualizações, Lara mostra o que a mãe fez para o almoço: maxixe com feijão de corda, arroz, feijão e carne de porco frita. Bem humorada, Raimunda entra na cozinha e dá um susto na fiha. 

Para se ter uma ideia do feito de Raimunda, a quantidade de visualizações é mais de 70 vezes a população da pequena Apiacás.

As reações espontâneas se repetem em todos os vídeos, seja tomando banho em um tambor de água ou com a vara de pesca nos ombros enquanto caminha para o rio. Em uma das filmagens, a dona de casa comemora que está matriculada em aulas de afalbetização. 

Vida de muito trabalho 

Raimunda se casou muito nova, aos 12 anos - realidade que se repete na vida de família em situação de vulnerabilidade social. Com a mesma idade começou a trabalhar e só parou há quatro anos, quando deixou o emprego em um garimpo Apiacás. O marido acabou sendo diagnosticado com hanseniase e faz tratamento em Cuiabá, mas não deixa de aceitar pequenos bicos que aparecem. 

A dona de casa nasceu no Maranhão e vive há 18 anos em Mato Grosso. Ela deixou sua cidade após aceitar ir em busca de uma nova realidade com o atual esposo. A princípio precisou deixar os filhos por lá, mas logo se restabeleceu e a família voltou a ficar unida. 

Dos trabalhos que já teve na vida, o  emprego de cozinheira no garimpo lhe rendeu o amor pela cozinha. Por não saber ler, Raimunda conta que segue as receitas como ela imagina que sejam.

"Cozinhei dois anos e sete meses no garimpo. Minha dedicação é em cozinhar no dia-a-dia mesmo, não sei fazer 'comida chique' como a Ana Maria Braga mostra na televisão. O pessoal até comenta pedindo minhas receitas de bolos, mas não sigo, vão fazendo como acho que é". 

Quando chegou em Apiacás, Raimunda lembra que ter dinheiro para roupas e sapatos era luxo. 

"Trabalhei muito quebrando côco no Maranhão. Hoje crio galinha, vendo ovos e com isso compramos as coisas. Minha vida foi sempre muito sofrida, mas Deus nunca me deixou abaixar a cabeça. Hoje em dia estou mais feliz. Naquele tempo não tinha nem vestido, hoje é da loja de R$ 20, mas veste do mesmo jeito".

A comida sempre farta na mesa e a casa onde moram são o maior orgulho de Raimunda. 

Dos sonhos, ela ressalta os da filha, que deseja muito ser “alguém na vida” e de conhecer o pai. Lara, na verdade, é neta da dona de casa, mas criada como filha. 

“Sou simples, mas só tenho a agradecer a vida e essas pessoas. Às vezes a gente se sente muito pequenininho. A Lara tem esse sonho muito grande de ser alguém na vida. Ela é uma pessoa muito boa, se preocupa muito comigo. Diz que quer ser médica para cuidar de mim”.


Nativa News

Jose Lucio Junqueira Caldas
Alta Floresta - MT
Fone (66) 9.8412-9214
[email protected]

Redes Sociais

Logo

Todos os direitos reservados ao Site Nativa News
Qualquer material não pode ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído sem autorização.

Crie seu novo site Go7
vers�o Normal Vers�o Normal Painel Administrativo Painel Administrativo