Regional

26/01/2022 09:22 CenrioMT

Cabeça de jovem é encontrada em sacola plástica ao lado de container em Lucas do Rio Verde

Populares localizaram, agora a pouco, cabeça de um jovem em Lucas do Rio Verde (MT). Ela foi localizada ao lado de um contentor de lixo, na Avenida Goiás, bairro Veneza. De acordo com a Polícia Militar (13º BPM), a cabeça humana está dentro de uma sacola plástica, preta.

“Populares que passaram pelo local viram, tava fácil de ser identificada, de longe dá pra ver.  Eles viram, ligaram pro 190, passaram a situação”, confirmou o tenente Felipe Bolzan. 

O local foi isolado e a Polícia Civil acionada para iniciar as investigações. A Politec também foi acionada e deve periciar o ambiente nas imediações do local onde o membro humano foi encontrado. “(Objetivo é) juntar o máximo de informação possível do local do crime”, destacou o oficial militar.

Ainda conforme o tenente da Polícia Militar, a mãe da vítima esteve no local e confirmou se tratar do filho. O nome e idade, porém, não foram informados.

Poucas informações

Apesar do grande número de populares nas proximidades em razão do acontecimento macabro, a Polícia dispõe de poucas informações a respeito do fato.

O oficial da Polícia Militar observou ser a primeira vez que acontece um crime com tamanha crueldade. “Pode estar relacionado com essa onda que já vinha acontecendo, muitas vezes relacionadas a facções criminosas, a tráfico de drogas. Às vezes uma pessoa envolvida no tráfico deve a outra. Então, é uma hipótese, não dá pra gente afirmar, mas pode ter a ver com isso”, comentou, ressaltando que a investigação deverá esclarecer as condições em que ocorreu o crime e as motivações.

Também por meio de investigação as forças de segurança deverão chegar ao restante do corpo da vítima. “A gente solicita o apoio da população, caso tenha alguma informação, caso consiga algum tipo de informação que possa nos passar. É uma situação bem complicada e a gente vai tentar, junto com a Polícia Civil, Corpo de Bombeiros, localizar”.

Tenente Bolzan acredita que, após a confirmação da identidade da vítima será possível traçar um perfil da vítima, possíveis contatos e locais que tenha visitado nos últimos dias. “Então talvez assim a gente consiga alguma informação maior pra tentar localizar o restante do corpo”, concluiu.

Perícia

O perito criminal Luciano Nogueira a Perícia Oficial e Identificação Técnica – POLITEC – buscou informações junto a cabeça encontrada para auxiliar as investigações que seguem a partir de agora, por conta da Polícia Judiciária Civil.

“O trabalho pericial neste local foi mais restrito, pois a quantidade de material a ser analisado era pequeno. Então ficamos limitados a fazer um trabalho em torno de onde a cabeça da vítima estava. A remoção da cabeça da vítima se deu por um instrumento corto-contuso, uma foice ou um machado, pois deu para perceber  a quantidade de cortes que teve. Foram múltiplas lesões”, comento o profissional.

Ainda de acordo com o laudo preliminar, os suspeitos teriam seguido pela Avenida Goiás, sentido ao bairro Jardim Imperial e feito a conversão na Avenida Roma, momento em que dispensaram a cabeça dentro da sacola.

“A cabeça então rolou, deixando uma mancha (de sangue) no chão e atingiu repouso perto da guia (meio-fio) da calçada. É o que deu para coletarmos de informações até agora. Na cabeça da vítima tinha uma espécie de terra humedecida, espécie de lama”, finalizou Nogueira.

 


Nativa News

Jose Lucio Junqueira Caldas
Alta Floresta - MT
Fone (66) 9.8412-9214
[email protected]

Redes Sociais

Todos os direitos reservados ao Site Nativa News
Qualquer material não pode ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído sem autorização.

Crie seu novo site Go7
vers�o Normal Vers�o Normal Painel Administrativo Painel Administrativo